Menu Right

Top Social Icons

Slider Area 1

Slider Area 2

Slider Area 3

Responsive Full Width Ad

Publicidade
Publicidade
✆ 93 9 9211 0226
WhatsApp
WhatsApp

Destaques

Policial

Últimas Notícias

Saúde

Publicidade

Interior

Esportes

Agropecuária

segunda-feira, 27 de dezembro de 2021

Pré matrícula para alunos da rede pública começa nesta segunda

 Seduc oferece mais de 160 mil novas vagas para o ano letivo de 2022. Cronograma de matrículas já está disponível. 

Foto reprodução

O governo do Estado inicia hoje (27) a pré-matrícula na rede pública de ensino para estudantes que ainda não frequentam escolas estaduais. As inscrições prosseguirão até 31 de janeiro de 2022. A expectativa da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) é ofertar, para o próximo ano letivo, de 100 a 160 mil novas vagas em todo o Pará. 

As pré-matrículas poderão ser feitas pelo site www.seduc.pa.gov.br ou pela Central de Atendimento (0800.280.0078), de segunda a sexta-feira, das 8 às 18 h. "Vale ressaltar que, logo após o encerramento desta etapa, a Seduc vai iniciar o período para que os novos alunos confirmem suas inscrições", informa a secretária de Estado de Educação, Elieth de Fátima Braga. 


Documentação 


Para a confirmação das matrículas são necessários os seguintes documentos: original e cópia da certidão de nascimento, certidão do registro civil ou RG; original e cópia do CPF e do comprovante de residência atual; duas fotos 3x4 recentes; carteira de vacinação (crianças, jovens e adultos); comprovante de imunização contra a Covid-19 (para quem tiver acima dos 12 anos); inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) - somente a cópia da frente (folha resumo) e a ressalva ou histórico escolar originais. 

A secretária adjunta de Ensino, Regina Pantoja, enfatiza que alunos, pais ou responsáveis fiquem atentos aos prazos estabelecidos e não percam a matrícula de seus filhos na rede estadual de ensino. "O cumprimento desse período se faz necessário, porque a Seduc precisa organizar todo o conteúdo pedagógico para receber os novos alunos no próximo ano letivo. Portanto, os interessados em cursar uma das modalidades de ensino da rede pública estadual, entre os dias 27 de dezembro de 2021 e 31 de janeiro de 2022, podem garantir sua vaga conosco", explica.

 

Cronograma de matrículas: 


- 27/12/2020 a 31/01/2022: Pré-matrícula para novos alunos. 
- 1º/02 a 18/02/2022: Período de confirmação das novas matrículas. 
- 1º a 04/02/2022: Confirmação de novos alunos com deficiência. 
- 07 a 11/02/2022: Confirmação de matrícula para novos alunos do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental; das turmas multisseriadas dos anos iniciais do Ensino Fundamental I; da 1ª a 4ª etapa da Educação de Jovens e Adultos (EJA) Fundamental, Saberes da Terra - Fundamental, Some Fundamental, Educação Infantil Indígena - Pré-Escola, Educação Indígena Ensino Fundamental I e II, e 1ª a 4ª etapa da EJA Fundamental Indígena, Ensino Médio Regular. 

- 14/02 a 18/02/2022: Confirmação de matrícula para alunos novos do Ensino Médio Regular (1ª a 3ª série); 1ª e 2ª etapas da EJA Médio, Sistema Educacional Interativo (SEI), Sistema Modular de Ensino (Some) Médio, Ensino Médio EJA Campo, Educação Indígena Ensino Médio. 

A partir do dia 21 de fevereiro até 7 de março de 2022 - Matrícula de novos alunos sem pré-matrícula, na própria escola, considerando o saldo de vagas remanescentes de cada espaço de aprendizagem. 

A renovação de matrícula dos estudantes que vão permanecer na rede estadual de ensino ocorrerá de forma automática, após o resultado avaliativo final. 


G1 Pará

 

sexta-feira, 24 de dezembro de 2021

Covid-19: ministério abre consulta pública sobre vacinação de crianças

 Contribuições podem ser enviadas até o dia 2 de janeiro 


foto reprodução


Está aberta à participação da população a consulta pública sobre vacinação contra covid-19 de crianças de 5 a 11 anos. Segundo o Ministério da Saúde, o objetivo é “informar e conhecer as dúvidas e contribuições da sociedade científica e da população" sobre a vacinação das crianças com o imunizante Pfizer, aprovada no último dia 16, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). 

A consulta, publicada no site do ministério ontem (23) às 23h59, estará aberta até o dia 2 de janeiro.

Na página, o ministério indica a leitura de um documento com informações relativas à vacinação desse público. Será considerada apenas uma contribuição realizada com o mesmo CPF ou CNPJ no formulário disponibilizado na consulta pública. “Caso haja necessidade de retificar algum dado preenchido, antes do encerramento da consulta pública, é preciso inserir novamente todas as informações no formulário, visto que a contribuição anterior não será considerada”, informa a pasta. 

Para o ministério, a vacinação não deve ser compulsória e, para a aplicação do imunizante, “será exigida prescrição médica e autorização dos pais ou responsáveis, mediante assinatura de termo de assentimento”. 

O ministério acrescenta que a inclusão da referida faixa etária no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação deverá priorizar crianças com deficiência permanente ou comorbidades, bem como aquelas que vivam “em lar com pessoas com alto risco para evolução grave de covid-19”. 

No caso de crianças sem comorbidade, a ordem de prioridade vai das mais velhas para mais novas, iniciando com o grupo com idade de 10 a 11 anos. 


Decisão 

No último dia 18, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que a decisão do governo sobre a vacinação de crianças de 5 a 11 anos será tomada no dia 5 de janeiro, após audiência e consulta públicas. Em conversa com jornalistas, Queiroga disse que a autorização da Anvisa não é decisão suficiente para viabilizar a vacinação para esse grupo. 


Agência Brasil

Saiba tudo sobre a Mega da Virada 2021 e não erre na hora de apostar na bolada de R$ 350 milhões

 O sorteio será realizado no dia 31 de dezembro, às 20h 

Foto reprodução

Com um prêmio estimado em R$ 350 milhões para quem acertar as seis dezenas do concurso 2.440, a Mega da Virada 2021 tem o maior valor acumulado da história da mega-sena, o que atrai os olhares dos apostadores de plantão no sonho de ficar milionário. Pensando nisso, confira algumas perguntas e respostas para não errar na hora de apostar e garantir a bolada. 

1 - Como faço para jogar? 

Os jogos podem ser feitos em lotéricas de todo o país e pelo aplicativo Loterias Caixa. Para apostar, basta marcar de 6 a 15 números dentre os 60 disponíveis no volante. Alguns apostadores, pensando em uma melhor alternativa de ganhar, preferem adquirir os bolões, que são comercializados apenas nas lotéricas no valor mínimo de R$ 10.

 

2 - Quanto custa uma aposta? 

O valor da aposta simples, com seis números, custa R$ 4,50. Já a aposta máxima, com 15 números, custa R$ 22.522,50, confira a tabela abaixo: 

Foto divulgação Caixa


3 - Até quando é permitido fazer os jogos? 

Os jogos podem ser feitos até às 17h do dia 31 de dezembro. 

4 - Quando é o sorteio? 

Dia 31 de dezembro de 2021, às 20h. 

5 - Até quanto tempo após o sorteio é permitido retirar o prêmio? 

Até 90 dias após a data do sorteio. Após isso, o valor é repassado ao tesouro nacional para aplicação no Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (FIES). 

6 - O que acontece se ninguém ganhar? 

Ao contrário dos outros sorteios, na Mega da Virada o prêmio não acumula. Se não houver nenhum acerto das seis dezenas, o valor será dividido entre os acertadores das cinco dezenas.  

7 - Qual foi o prêmio da Mega da Virada do ano passado? 

No ano passado, o valor do prêmio foi de R$ 325,2 milhões e duas apostas acertaram as seis dezenas sorteadas (17, 20, 22, 35, 41 e 42) 

8 - É permitido guardar o bilhete premiado? 

Assim que conferido e efetuado o prêmio ao ganhador, o bilhete premiado é inutilizado e o vencedor não pode guardar como lembrança.  


O liberal com informações do G1

 

 


Publicidade

Responsive Full Width Ad