Menu Right

Top Social Icons

Responsive Full Width Ad

Publicidade
Publicidade
✆ 93 9 9211 0226
WhatsApp
WhatsApp

quinta-feira, 16 de setembro de 2021

Brega paraense é reconhecido como patrimônio cultural e imaterial

Ritmo é sustento e inspiração para muitos paraenses, que veem reconhecimento como solidificação do trabalho.

Foto: Reprodução/Agência Pará
No Pará, um sinal incontestável de que uma música se tornou sucesso é quando ela ‘vira brega’: qualquer hit internacional ganha versões do ritmo consagrado no Norte do país. O brega foi destaque na abertura das Olimpíadas no Brasil e é referência da cultura e identidade paraense. Nascido nas periferias, o estilo brega carrega nas vertentes uma estética repleta de cores e sons vibrantes. Agora, ele é também reconhecido como Patrimônio Cultural e Imaterial do Pará e artistas consideram a conquista a realização de um sonho coletivo.

A lei que atribuiu o título foi sancionada nesta quarta-feira (15) pelo governo estadual, em Belém. A cerimônia reuniu artistas que são parte da história e do cenário musical do brega no Pará.

O Projeto de Lei foi aprovado por unanimidade no último dia 24 de agosto na Assembleia Legislativa do Pará (Alepa). Segundo a autora, a deputada Ana Cunha (PSDB), a iniciativa visa não só reconhecer o ritmo em si, mas valorizar a cadeia cultural que envolve compositores, músicos, cantores, guitarristas e outros artistas que fazem do brega um instrumento para viver.


G1 Pará

Nenhum comentário

Postar um comentário

Publicidade

Responsive Full Width Ad